A regência do verbo assistir é feita conforme o sentido que o verbo apresenta.

Norma culta e coloquial na regência do verbo assistir

Embora o verbo assistir apresente diversos significados, ele é maioritariamente usado com o sentido de ver.

Segundo as regras gramaticais, o verbo assistir deverá ser conjugado com a presença da preposição a com esse sentido: assistir a. Apesar dessa regra, há uma forte tendência para a omissão da preposição a na linguagem coloquial.

Norma culta: assistir a

  • assistir ao jogo;
  • assistir ao filme;
  • assistir ao programa;
  • assistir ao espetáculo;
  • assistir ao documentário; 
  • assistir à novela;
  • assistir à série;
  • assistir à sessão;
  • ...

Nota: Ocorre contração da preposição a com o artigo definido que determina o substantivo: a + a = à e a + o = ao.

Norma coloquial: assistir

  • assistir o jogo;
  • assistir o filme;
  • assistir o programa;
  • assistir o espetáculo;
  • assistir o documentário; 
  • assistir a novela;
  • assistir a série;
  • assistir a sessão;
  • ...

Embora algumas gramáticas e dicionários já refiram o uso do verbo assistir com sentido de ver como verbo transitivo direto, sem a regência da preposição a, esse uso ainda é considerado incorreto segundo as normas gramaticais. 

Todas as regências verbais de assistir

Conforme dito anteriormente, a regência do verbo assistir é feita conforme o sentido que o verbo apresenta.

Verbo assistir com regência da preposição a

O verbo assistir estabelece regência com a preposição a, atuando como um verbo transitivo indireto com os seguintes sentidos:

Quando indica o ato de ver e estar presente, sendo sinônimo de presenciar, ver, observar, testemunhar,… 

  • Nós assistimos ao jogo na casa da minha irmã. 
  • Eles não assistiram ao programa, mas gravaram para ver depois.
  • Todos assistiram à briga dos vizinhos do terceiro andar.
  • Atualmente assistimos à crise da falta de valores na educação das crianças.

Quando indica o ato de ser da competência de, sendo sinônimo de caber, competir, pertencer, ...

  • Esse trabalho assiste unicamente a vocês e a mais ninguém!
  • Assiste a você dar um bom exemplo a seu filho.

Verbo assistir sem regência de preposição

O verbo assistir estabelece regência sem a presença de uma preposição, atuando como um verbo transitivo direto com os seguintes sentidos:

Quando indica o ato de acompanhar como assessor, sendo sinônimo de acompanhar, assessorar,...

  • O vice-diretor assiste o diretor no exercício das suas funções.
  • Precisamos de uma secretária que assista a direção nos telefonemas e papelada. 

Quando indica o ato de prestar socorro, sendo sinônimo de socorrer, acudir, amparar,… 

  • A equipa médica não chegou a tempo de assistir o paciente.
  • Há aqui algum médico que possa assistir este idoso?

Verbo assistir com regência facultativa

O verbo assistir pode estabelecer regência com a preposição a ou estabelecer regência sem a presença de uma preposição, de forma facultativa, podendo atuar como um verbo transitivo indireto ou como um verbo transitivo direto, estando as duas formas corretas, com os seguintes sentidos:

Quando indica o ato de prestar assistência, sendo sinônimo de ajudar, auxiliar,…

  • Será que um dia você vai assistir a quem precisar da sua ajuda?
  • Será que um dia você vai assistir quem precisar da sua ajuda?

Quando indica o ato de ser parteira, sendo sinônimo de partejar.

  • Aquela parteira sempre assistiu às parturientes com muito cuidado.
  • Aquela parteira sempre assistiu as parturientes com muito cuidado.

Verbo assistir com regência da preposição em

O verbo assistir estabelece regência com a preposição em, atuando como um verbo transitivo indireto com o seguinte sentido:

Quando indica o ato de residir em um lugar, sendo sinônimo de residir, morar, habitar,...

  • Minha família assiste em Minas Gerais.
  • Eu assisto em Petrópolis.

Saiba mais sobre a regência verbal e veja também a conjugação do verbo assistir.